Eu sou o amor da sua vida.

Leia o texto abaixo ao som de Adele Lovesong.

 

Eu nunca vou encontrar alguém como você.

O amor não é perfeito. O amor é insegurança: é sentir aquele medo incontrolável de perder. É você se ver mergulhado, preso, em algo que você não tem mais controle.

Desde o primeiro olhar, eu já ganhei o seu sorriso. Você sabe melhor do que eu, que embora algumas coisas pareçam uma mera coincidência do destino, por muitas vezes, o acaso proporciona surpresas que a própria razão desconhece.

Ser o amor da sua vida, engloba muita responsabilidade na minha.

Em algum momento da sua vida, você vai se cansar de amores incompletos, dos platônicos, do excesso ou da falta. Você vai se cansar do “apesar de” e principalmente, do “e se”. Você vai cansar de se prejudicar por causa dos outros, da sensação de estar sendo injustiçado, vai se cansar do “a vida é assim mesmo” e do “daqui a pouco tudo se ajeita”. Você vai se cansar de esperar, de rezar, de aguardar, vai se cansar do frio na barriga, ou dos poucos arrepios que anda tendo. Você vai se cansar da hipocrisia, da falsidade, da ameaça constante, vai se cansar da estupidez, da indiferença, da angústia, da insatisfação, da busca impossível e infinita de algo que não sabe o que é. Você vai se cansar da sensação de não poder parar. Você vai se cansar de amores temporários, e vai me amar cada vez mais.

Eu sou o amor da sua vida por me preocupar e cuidar de você, mesmo quando restam poucas esperanças. Eu sou o amor da sua vida, quando chove e eu te entrego o meu guarda-chuva. Eu sou o amor da sua vida, quando faz calor e delicadamente eu refresco a sua nuca com a minha língua. Eu sou o amor da sua vida, quando eu compro um MM’s e te vejo, contente, fazendo festa com aqueles confetes coloridos. Eu sou o amor da sua vida, quando todo mundo vai embora e eu continuo, firme e forte te abraçando. Eu sou o amor da sua vida, quando existem motivos para desistir, mas eu insisto. Eu sou o amor da sua vida, quando eu te seguro antes de você tropeçar. Eu sou o amor da sua vida, quando eu abro mão das minhas vontades, para satisfazer as suas. Eu sou o amor da sua vida, quando eu machuco o meu coração lutando por você. Eu sou o amor da sua vida, quando eu tenho paciência de te ensinar o desconhecido. Eu sou o amor da sua vida, por ser a parte mais latente em você. Eu sou o amor da sua vida, por roubar o seu pensamento. Eu sou o amor da sua vida, quando todos os seus planos são ao meu lado.

Eu sou o amor da sua vida, pois cedo ou tarde, você vai perceber que nunca ninguém vai te amar como eu te amo. Você vai perceber que amores banais tem um monte, em cada esquina, mas que no meu caso, é verdadeiro. Você vai comparar as atitudes e comprovar, que os sentimentos valem muito mais do que as palavras.

O destino pode ser cruel, como a cartomante disse. O amanhã pode não existir, como afirmam os poetas. O mundo pode acabar, como os cientistas preveem. O tempo pode passar voando, como contam os meteorologistas. Mas nada, nada vai ser capaz de apagar o meu amor por você. Você pode estar longe, se esconder ou sumir. Uma coisa é certa em meio a tantas teorias: eu vou continuar te amando. Para sempre.

Eu sou o amor da sua vida, quando por um descuido qualquer, eu revelo milhares de vezes que você, também, é o amor da minha vida.

E que se não for você, não é mais ninguém.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Recomendados para você

Receba textos novos no seu e-mail!