Encerrando Capítulos (AI: Pamela Gama)

Leia o texto abaixo ao som de Jota Quest – Tempos Modernos.

 

O tempo é uma das coisas que a gente deve valorizar, desfrutar.Ele não volta atrás e nem adianta, o relógio é responsável por todas as coisas que você deixou de fazer e que hoje infelizmente, já não cabe mais. É tudo aquilo que já foi e virou arrependimento, quando não, lembrança. É a coisa mais preciosa e frágil que você pode oferecer a alguém, porque se tem uma coisa que a gente não pode perder é tempo, ele escorre pelas mãos. É sempre tempo de ser sincero antes de tudo, transparente com os sentimentos e as pretensões, sem joguinhos para alimentar o ego alheio, muito menos o seu. De curtir, de se permitir, fazer o que der na telha pelo menos uma vez, uma tatuagem sem pensar muito, se relacionar com pessoas diferentes, pedir um lanche que não seja o de costume, mudar, inovar, de sair da rotina e de se conhecer melhor.Tempo de se dedicar a algo ou a alguém, se estiver satisfeito fazer com que o outro esteja também, se dedicar a um curso, uma atividade física. De ouvir o que as pessoas tem a dizer, de refletir, se questionar, corrigir ou pelo menos tentar. O tempo ele não volta atrás, é uma passagem só de ida, é efêmero, e economizando o tempo alheio você também economiza o seu, se economiza do desgaste, das incertezas, das decepções.

Faça do tempo intenso, inesquecível e um aprendizado, o que não servir pra você servirá para as pessoas com quem você se envolveu, pois tudo é valido. Faça do tempo, capítulos que precisam ser encerrados.

Para que o próximo capítulo seja escrito, sem deixar passar, o tempo certo de virar a página.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Recomendados para você

Receba textos novos no seu e-mail!